Brasil
Publicada em 30/07/13 - 606 visualizações
Adutora se rompe no Rio, destrói casas e arrasta carros
Pessoas foram arrastadas e, segundo os bombeiros, há desaparecidos. Uma criança de 3 anos morreu

Agência Brasil


Uma adutora da Companhia Estadual de Água e Esgoto (Cedae) estourou no início da manhã de hoje (3), na estrada do Mendanha, em Campo Grande, zona oeste da cidade. A força da água jorrada destruiu casas e carros em um quarteirão. Pessoas foram arrastadas e, segundo os bombeiros, há desaparecidos. Há móveis, eletrodomésticos, roupas e outros objetos espalhados pelas ruas inundadas.

Técnicos da Cedae já fecharam a água da tubulação e a pressão da água diminuiu, mas o vazamento deixou ruas alagadas. Bombeiros do quartel de Campo Grande já seguiram para o local. Moradores disseram que a água chegou a 2 metros de altura.

A Companhia informou que está com duas equipes no local onde uma adutora se rompeu. Segundo a assessoria de imprensa da distribuidora, uma equipe está fazendo o reparo da tubulação danificada e outra está fazendo o levantamento dos prejuízos para fins de ressarcimento.

De acordo com a Cedae ainda há água residual escoando. A distribuidora informou que pode haver restrições ao abastecimento na região, mas não faltará água, já que a água está sendo desviada para outras tubulações da área.

O Centro de Operações da prefeitura do Rio de Janeiro informa que a Estrada do Mendanha, onde a adutora se rompeu, está interditada na altura da Rua Marcolino da Costa. O trânsito é intenso na região e equipes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Rio) se deslocam para o local.


Casa ficou destruída com a força da água (Foto: Reprodução/TV Globo)
Casa ficou destruída com a força da água (Foto: Reprodução/TV Globo)


Feridos
Uma criança de três anos precisou ser socorrida e encaminhada às pressas ao Hospital Estadual Rocha Faria, em Campo Grande, depois do rompimento. A vítima foi identificada como Isabela Severo dos Santos engoliu muita água e chegou a receber massagem cardíaca no local. Mas não resistiu e morreu no hospital. De acordo com o subsecretário municipal de Defesa Civil, Marcio Motta, pelo menos quatro pessoas ficaram feridas no acidente.

 Morador no meio do alagamento em Campo Grande, na Zona Oeste  (Foto: Reprodução/TV Globo)
 Morador no alagamento em Campo Grande, na Zona Oeste (Foto: Reprodução/TV Globo)




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


No Ar


Nenhuma programação cadastrada
para esse horário




Notícias Atualizadas

(73) 9 9976 -5088




Promoções
Estatísticas
Visitas: 1054864 Usuários Online: 40


Previsão de Tempo
Parceiros

Copyright (c) 2019 - Gandu FM - Todos os direitos reservados